Alemanha
Divulgação
Em março, ala mais radical do partido passou a ser vigiada pelas autoridades.

A polícia da Alemanha decidiu colocar uma unidade regional do parito de  extrema-direita Alternativa para a Alemanha (AfD) sob vigilância. O motivo para a decisão seriam as ideias radicais defendidas pelo partido. 

Leia também:

Em entrevista à AFP, o Ministro do Interior da Alemanha disse que as estruturas do AfD em Brandemburgo são um "caso suspeito" e que serão vigiadas pelas autoridades. Na região, o partido ficou em segundo lugar nas eleições regionais em 2019, com 23,5% dos votos;

A medida é utilizada para controlar as ações de grupos e organizações que possam ameaçar a democracia e os direitos humanos. Em março, a polícia já havia colocado a ala mais radical do partido, próxima a movimentos neonazistas, sob vigilância. 

    Veja Também

      Mostrar mais