Merkel disse que foi vítima de ciberataque russo.
Reprodução/Facebook
Merkel disse que foi vítima de ciberataque russo.


A chanceler alemã, Angela Merkel , afirmou que têm “provas claras” de tentativas de ciberataques russos contra ela durante um pronunciamento ao Parlamento do país nesta quarta-feira (13).   

“Preciso dizer honestamente que isso para mim é doloroso. Eu tento melhorar diariamente as relações com a Rússia , mas há sinais bem evidentes de que a Rússia está fazendo isso”, disse a líder alemã sem se aprofundar na questão.   

Leia também: Deputado chama italiana resgatada e convertida ao Islã de “neoterrorista”

Segundo uma matéria do jornal “Der Spiegel”, publicada na última semana, hackers do serviço secreto militar da Rússia teriam roubado milhares de e-mails enviados para o Gabinete de Merkel durante um ataque ao Bundestag (Parlamento) em maio de 2015. 

Ainda conforme a publicação, teriam sido extraviados comunicações online entre os anos de 2012 e 2015, em um total de 16 gigabytes de informação. Em janeiro, outra vez com os russos sendo apontados como responsáveis, os dados de Merkel e de centenas de políticos do país foram vazados.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários