Ferido
William Volcov/Brazil Photo Press/Agencia O Globo
Policial ferido durante manifestação em Nova York é atendido por paramédicos

Um jovem de 19 anos e um agente federal morreram e dezenas de pessoa foram presas entre a noite de sexta-feira e a manhã deste sabádo durante os protestos que tomam diversas cidades dos EUA após a morte de um  homem negro por um policial durante uma abordagem na cidade de Minneapolis.

Leia também: EUA têm quarto dia de protestos após morte de homem negro sufocado por policial

Segundo informações da CNN, o jovem, que não foi identificado, foi atingido após um carro passar atirando na direção dos manifestantes na cidade de Detroit, no estado do Michigan . Ele chegou a ser encaminhado para um hospital da região, mas não resistiu.

Já em Oakland , dois agente federais foram atingidos por tiros durante a manifestação na cidade, localizada no estado da Califórnia. Ambos foram encaminhados ao hospital, mas um não resistiu aos ferimentos e acabou morrendo. 

Ao todo, o Departamento de Polícia de Oakland estima que 7.500 pessoas participam dos protestos ao longo dos últimos dias e que tem deixado um rastro de destruição: há relatos de vandalismo, destruição e roubo de lojas e até de incêndios em prédios públicos.

Em Atlanta, a sede da CNN acabou sendo alvo dos manifestantes, que picharam a entrada e destruíram a fachada do prédio. Imagens do ataque ao edifício foram compartilhadas nas redes sociais e houve relatos até de que uma bomba de fumaça foi jogada no local, além de saques e vandalismos pela cidade. 

Relembre o caso

No último dia 25, George Floyd morreu após ser asfixiado por mais de 8 minutos pelo policial Derek Chauvin durante uma abordagem. Segundo informações, os policiais investigavam uma denúncia de uso de dinheiro falsificado.

Leia também: Twitter oculta post de Trump por "glorificar violência"

Nesta sexta-feira (29), após ter sido demitido, juntamente com os outros agentes que participaram da ação,  Chauvin foi detido e acusado de homicídio culposo, quando não há intenção de matar.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários