Tamanho do texto

Aeronave foi forçada a retornar à base aérea de Andrews, em Maryland, de onde havia decolado, depois que uma fumaça saiu diretamente da cabine

Melania Trump, esposa do presidente Trump, passa bem; aeronave sofreu suspeita de incêndio, ao liberar fumaça
Divulgação
Melania Trump, esposa do presidente Trump, passa bem; aeronave sofreu suspeita de incêndio, ao liberar fumaça

O avião que levava a primeira-dama dos Estados Unidos, Melania Trump, para a Filadélfia na manhã desta quarta-feira (17), precisou fazer um pouso forçado após uma fumaça ter sido detectada saindo diretamente da cabine da aeronave. 

Leia também: Jornalista saudita Jamal Khashoggi chegou a ser torturado e decapitado, diz um jornal turco

De acordo com as primeiras informações, o avião foi forçado a retornar à base aérea de Andrews, em Maryland, de onde havia decolado. A suspeita é que ele tenha sofrido um princípio de incêndio. Melania Trump e todos os passageiros estão bem.

Segundo os jornalistas que estavam a bordo com a primeira-dama dos EUA , um forte cheiro de queimado surgiu cerca de 10 minutos após a partida da aeronave. A porta-voz de Melania, Stephanie Grisham, informou para a rede norte-americana CNN  que a fumaça havia sido ocasionada por "um pequeno problema mecânico".

Leia também: Atentado em escola deixa ao menos 18 mortos na Crimeia; autor era um aluno de 22 anos, que cometeu suicídio

Ainda de acordo com as informações reveladas pelos jornalistas que estavam no voo, os agentes do Serviço Secreto que cuidam da segurança da primeira-dama "pularam" de seus assentos e correram para a cabine dos pilotos, alarmando os passageiros.

"De início, vimos um pouco de fumaça se espalhando pela cabine, mas depois ela se tornou mais intensa e o cheiro de queimado ficou mais forte", afirmou um repórter da CNN . A própria primeira-dama não se pronunciou a respeito do incidente desta quarta-feira, assim como o seu marido Donald Trump, que também não disse nada sobre o ocorrido, nem mesmo nas redes sociais.

De acordo com as fontes do govenro dos Estados Unidos, Melania Trump estava a caminho da Filadélfia, na manhã de hoje, onde participaria, mais tarde, de um evento no Hospital Universitário Thomas Jefferson. As causas do incidente com o avião da primeira-dama serão intensamente investigadas pelas autoridades norte-americanas.

Leia também: País africano confirma o seu segundo surto de Ebola no ano e liga forte alerta internacional

* Com informações da Agência Ansa.

    Leia tudo sobre: donald trump