Tamanho do texto

Indústria química no condado de Harris sofreu explosões, e área foi evacuada por agentes de segurança; tempestades e inundações atingem milhares

Por todo o estado do Texas, os estragos causados pela passagem do furacão Harvey são inúmeros
Reprodução/Twitter NHC Atlantic Ops
Por todo o estado do Texas, os estragos causados pela passagem do furacão Harvey são inúmeros

Uma indústria de produtos químicos, situada próxima da cidade de Houston, no Texas , nos Estados Unidos, registrou duas explosões nesta quinta-feira (31) após a passagem do furacão Harvey, que causou inundações no local.

Leia também: Confirmada primeira morte provocada pela passagem do furacão Harvey pelos EUA

De acordo com a rede de TV “CNN”, funcionários do Condado de Harris, onde está a usina química, afirmaram que havia uma coluna de fumaça preta sobre as instalações e que, pouco depois, foram ouvidas as duas explosões. Assim, agentes de segurança foram mobilizados até o local, que fica a 25 quilômetros a noroeste de Houston, e evacuaram toda a região em um raio de quase dois quilômetros em torno da companhia Arkema Inc., que fica em Crosby, no sexto dia após a passagem do furacão Harvey no país.

A fábrica também tinha sofrido um apagão no último domingo (27), afetando geradores de reserva durante as fortes chuvas trazidas pelo Harvey. Isso pode explicar a causa das explosões de hoje, pois as instalações teriam ficado sem sistema de refrigeração depois do apagão, e os produtos químicos podem ter se tornado voláteis na medida em que a temperatura exterior aumentou.

“O pior ainda não terminou”

Por todo o estado do Texas, os estragos causados pela passagem do Harvey – e as consequentes tempestades e inundações – são inúmeros. Famílias estão buscando desesperadamente por familiares desaparecidos, seis dias depois da chegada do furacão de categoria 4.

Leia também: Cachorro é visto carregando saco de ração na rua após furacão Harvey, nos EUA

Pelo menos 37 pessoas morreram no estado texano nos últimos dias. Entre os mortos, está um homem de Houston, que foi eletrocutado enquanto caminhava na inundação, e uma mãe  cujo corpo foi encontrado junto à filha bebê, que estava viva e foi internada.

E a tragédia ainda não teve seu fim no estado norte-americano. De acordo com o governador Greg Abbott afirmou nesta quarta-feira (30), “o pior ainda não acabou no sudeste do Texas”. Assim, nesta quinta-feira (31), as equipes de socorro e emergência e os bombeiros irão assistir às vítimas da tragédia depois de tamanha destruição.

Na cidade de Beaumont, os residentes ficaram sem água corrente hoje. De acordo com as autoridades locais, a estação das bombas de água da cidade falhou, assim, é necessário esperar para que as inundações abaixem o nível, sendo possível fazer o reparo.

Leia também: Passagem do furacão Harvey pelo Texas deixa pelo menos cinco pessoas mortas

Desastre

O furacão Harvey, que foi classificado na categoria 4 na escala Saffir-Simpson, que vai de 1 a 5, teve ventos que ultrapassaram 200 km/h, sendo o maior fenômeno deste tipo que os americanos já viram nos últimos dez anos. Porém, depois de passar pelo continente perto da cidade de 8 mil habitantes, em Rockport, Harvey perdeu a intensidade muito rápido, caindo para a categoria 1, conforme informou o Centro Nacional de Furacões dos EUA . A previsão é de que o Harvey fique estacionário durante alguns dias, causando grandes enchentes.

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.