Tamanho do texto

Criança de apenas cinco anos ficou presa entre parede fixa e mesa giratória do restaurante, que é ponto turístico da cidade de Atlanta; entenda o caso

O restaurante, inaugurado em 1976, é uma atração turística da cidade de Atlanta, nos Estados Unidos
Divulgação/Sun Dial Restaurant
O restaurante, inaugurado em 1976, é uma atração turística da cidade de Atlanta, nos Estados Unidos

Uma criança de apenas cinco anos morreu após ser esmagado em um restaurante giratório na cidade de Atlanta, nos Estados Unidos, na última sexta-feira (14). Segundo informações do “The Guardian”, o menino teria ficado preso entre uma mesa e a parede do restaurante Sun Dial.

Leia também: Alarme falso de tiroteio em metrô de Nova York deixa ao menos 16 feridos

Charles Holt sofreu sérios ferimentos no crânio depois de ficar preso entre o móvel (que estava na parte rotativa do chão) e a parede fixa, de acordo com o comunicado da polícia. O menino estava jantando com os pais no restaurante, que é ponto turístico da cidade de Atlanta, mas acabou se afastando poucos metros da mesa, se acidentando.

O sistema automático do Sun Dial, que fica no 72º andar do famoso “Westin Peachtree Plaza Hotel”, foi ativado e, assim, parou o chão giratório depois de o menino ficar preso na noite da sexta-feira. Os funcionários do Sun Dial correram para socorrer a criança, que era de Charlotte, na Carolina do Norte, encontrando-o ferido gravemente. Muitos clientes também tentaram ajudar, arrastando cadeiras e tentando arrancar os móveis do chão.

Leia também: Aumenta para 126 o número de mortes no atentado em Aleppo

Charles foi encaminhado ao hospital, mas acabou morrendo algum tempo depois. O porta-voz do Departamento de Polícia de Atlanta, Warren Pickard, afirmou que “o garoto só estava fazendo o que crianças fazem. De algum modo, ele deve ter se perdido e entrado em pânico, mas acabou ficando preso entre a parede e o imóvel giratório”, explicou. “Crianças pequenas não sabem o que fazer nesses momentos”.

A polícia ainda afirmou que sua cabeça foi esmagada no espaço de 13 cm, sofrendo ferimentos no crânio. Ele foi identificado neste sábado pelos médicos forenses do condado de Fulton. O porta-voz não quis comentar se algo semelhante já havia acontecido anteriormente no restaurante. Segundo ele, o piso tem um sensor de movimento que para automaticamente o chão giratório quando percebe que algo está preso. Ele classificou o episódio como “uma tragédia”.

Leia também: Turista britânica morre esfaqueada em Jerusalém

O Sun Dial não respondeu sobre o acidente. O restaurante, inaugurado em 1976, é uma atração turística da cidade de Atlanta: ele tem três andares e possui um salão giratório que dá a vista de 360 graus a mais de 200 metros do chão. Funcionários informaram que o estabelecimento ficará fechado neste fim de semana.