Provas do Enem
Agência Brasil
Provas do Enem


A pergunta "o que mais cai no Enem" e associações como o "o que mais cai em química" são pesquisas em ascensão no Google Trends às vésperas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) . A edição de 2021 do Enem chega ao fim neste domingo (28) com as provas de Matemática e suas Tecnologias e Ciências Naturais e suas Tecnologias.

No último fim de semana, os participantes responderam as provas de Linguagens, Códigos e suas Tecnologias, Ciências Humanas e suas Tecnologias e escreveram a redação .


Entre os assuntos mais frequentes estão eletricidade, mecânica, ecologia, química orgânica e álgebra. Mas os professores destacam que o modelo da prova exige que os estudantes conheçam os principais assuntos e estejam atentos às discussões em pauta atualmente.


"Hoje em dia a gente consegue perceber que dentro da questão do Enem se pode trazer diversos temas. Por exemplo, química ambiental com estequiometria, concentração de soluções... Tudo interligado", ressalta o professor Pedro Pacheco, que leciona no Centro Educacional Titânia e no Colégio Dom Bosco, ambos em Salvador, em entrevista ao iG. De acordo com ele, as questões do exame sempre abordam química orgânica, química geral, matéria e seus constituintes, entre outros tópicos.


Coordenador de Matemática no Curso Etapa, Alexandre Borges, também aponta que o Enem possui estilo mais conceitual, cada vez mais próximo da primeira fase dos vestibulares aplicados nas universidades de São Paulo. "Conhecer os principais tópicos cobrados nessa prova, ficar atento aos fatos do momento e adotar estratégias para agilizar o tempo de resposta também ajudará bastante", defende ao avaliar o exame em levantamento feito pelo próprio curso.

Leia Também



O Curso Etapa contabilizou estatisticamente quais os assuntos mais frequentes no Enem. Confira abaixo os temas mais cobrados nas últimas provas e as avaliações de especialistas em cada área.


Matemática

“A prova de Matemática desse exame costuma explorar os conteúdos com maior abrangência, além de apresentar questões contextualizadas e de usar gráficos e tabelas para ilustrar os enunciados”, afirma o coordenador da matéria no Curso Etapa, Alexandre Borges. Ele acrescenta que a melhor forma de treinar era por meio de simulados e da resolução de exames anteriores.


Conteúdos mais cobrados em 2019:

  • Álgebra: 82,20%
  • Geometria: 13,30%
  • Geometria Analítica: 2,25%
  • Trigonometria: 2,25%


Conteúdos mais cobrados em 2020:

  • Álgebra: 86,20%
  • Geometria: 13,80%


Física

Nesse caso, a avaliação é de que não há um padrão específico, o que faz com que a prova varie bastante de um ano para o outro. Mas o coordenador de Física do Curso Etapa, Alexandre Lopes, pondera que Eletricidade, Mecânica e Ondulatória estiveram entre os temas mais recorrentes nas últimas edições, "com um equilíbrio entre as questões conceituais e aquelas que exigiam cálculos numéricos".


Conteúdos mais cobrados em 2019:

  • Eletricidade: 21,42%
  • Mecânica: 42,85%
  • Óptica/Onda: 14,31%
  • Termologia: 21,42%


Conteúdos mais cobrados em 2020:

  • Eletricidade: 35,72%
  • Física Geral: 3,57%
  • Física Moderna: 3,57%
  • Mecânica: 25,00%
  • Óptica/Onda: 14,28%
  • Termologia: 17,86%


Química

Leia Também

Também seguindo o modelo dos vestibulares de São Paulo, essas questões são mais conceituais, com poucos cálculos e um predomínio de Física-Química. "No entanto, os tópicos de Química Geral dominaram a última edição, com menos gráficos e tabelas do que o usual e muitas questões tratando a temática ambiental. Contudo, vale destacar que essa prova é bem distribuída. Logo, os estudantes devem desenvolver uma boa formação no programa dessa disciplina para se saírem bem no Enem", diz o coordenador de Química do Curso Etapa, Israel Almeida.


Conteúdos mais cobrados em 2019:

  • Estrutura de Matéria: 25%
  • Físico-Química: 31,25%
  • Química Ambiental: 12,50%
  • Química Geral: 12,50%
  • Química Orgânica: 18,75%


Conteúdos mais cobrados em 2020 

  • Estrutura de Matéria: 7,14%
  • Físico-Química: 32,15%
  • Química Ambiental: 10,72%
  • Química Aplicada: 7,14%
  • Química Geral: 35,71%
  • Química Orgânica: 7,14%


Biologia

"Nas últimas edições, o Enem abordou bastante a questão do impacto ambiental na parte de Biologia e de Geografia. Neste ano, porém, houve uma presença menor deste tópico nas questões de Geografia, aplicadas no último domingo (21), o que pode se repetir na parte de Biologia", alerta Daniel Berto, coordenador da matéria no Curso Etapa. De acordo com ele, a aposta para essa temática é a cobrança de conceitos básicos de Ecologia, conteúdos clássicos da disciplina e tópicos ligados à Biotecnologia.


Conteúdos mais cobrados em 2019:

  • Botânica: 6,67%
  • Citologia: 40,00%
  • Ecologia: 26,66%
  • Evolução: 6,67%
  • Genética: 6,67%
  • Zoofisiologia: 13,33%


Conteúdos mais cobrados em 2020:

  • Botânica: 9,10%
  • Citologia: 21,21%
  • Ecologia: 27,27%
  • Evolução: 15,15%
  • Genética: 12,12%
  • Zoofisiologia: 15,15%

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários