Tamanho do texto

Especialista ouvidos pelo iG dão dicas para os estudantes se prepararem; atenção especial para a alimentação pode melhor o desempenho do aluno

Pra não ser um dos atrasados do Enem o estudante precisa se preparar nos dias que antecedem a prova
shutterstock
Pra não ser um dos atrasados do Enem o estudante precisa se preparar nos dias que antecedem a prova

Depois de um vai e vem de decisões, o governo bateu o martelo e decidiu que o  horário de verão vai começar no mesmo dia do primeiro domingo (4) do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).  Devido ao adiamento dos relógios durante a madrugada de sábado para domingo, estudantes do Brasil inteiro precisam ficar atentos e se preparar para não fazerem parte do grupo de atrasados do Enem.

A principal dica dada pelos especialistas ouvidos pelo iG é aproveitar o feriado desta sexta-feira (2) e o sábado (3) e já adiantar o relógio em uma hora para evitar ser um dos atrasados do Enem . “A questão do sono é importante, então, se ele é sensível a essa mudança de horário, é bom já tentar se acostumar”, aconselhou o CEO da EduQC, Victor Maia.

Para o diretor executivo do Cursinho da Poli, Gilberto Alvarez, quem tem o hábito de dormir sete horas por dia, por exemplo, o ideal é se programar para dormir uma hora antes. “É claro que tem o fator ansiedade, pode ser que a pessoa acabe não dormindo e fique só rodando na cama, então vai de cada um”, ressaltou.

Outra dica que pode ajudar os alunos a não perderem a hora é usar dois despertadores no domingo (4).  O coordenador do Grupo Etapa, João Pitóscio, aconselha que, além do celular, os estudantes usem também um relógio analógico com despertador. “Você troca manualmente antes de dormir e já garante o horário certo, caso o celular falhe”, afirma.

Fique atento ao horário de verão em cada região para evitar ser um dos atrasados do Enem
shutterstock
Fique atento ao horário de verão em cada região para evitar ser um dos atrasados do Enem

Como em edições passadas, o Enem será aplicado em quatro fusos horários distintos. Veja abaixo como será a programação em cada região :

Distrito Federal, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Santa Catarina e São Paulo:

  • 12h – Abertura dos portões
  • 13h – Fechamento dos portões
  • 13h30 – Início das provas
  • 19h – Término das provas em 4/11
  • 18h30 – Término das provas em 11/11

Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte, Sergipe, Tocantins:

  • 11h – Abertura dos portões
  • 12h – Fechamento dos portões
  • 12h30 – Início das provas
  • 18h – Término das provas em 4/11
  • 17h30 – Término das provas em 11/11

Amazonas (com exceção de 13 municípios da região sudoeste), Rondônia, Roraima:

  • 10h – Abertura dos portões
  • 11h – Fechamento dos portões
  • 11h30 – Início das provas
  • 17h – Término das provas em 4/11
  • 16h30 – Término das provas em 11/11

Acre, Amazonas (13 municípios da região sudoeste: Atalaia do Norte, Benjamin Constant, Boca do Acre, Eirunepé, Envira, Guajará, Ipixuna, Itamarati, Jutaí, Lábrea, Pauini, São Paulo de Olivença e Tabatinga):

  • 9h – Abertura dos portões
  • 10h – Fechamento dos portões
  • 10h30 – Início das provas
  • 16h – Término das provas em 4/11
  • 15h30 – Término das provas em 11/11

Com tantos horários diferentes, a preparação para o dia da prova também muda. Os especialistas recomendam que quem precisa sair mais cedo de casa para ir ao local de prova deve tomar um café da manhã reforçado. “O ideal é não almoçar, porque pode causar algum tipo de mal estar”, alerta o coordenador do curso de nutrição da Unicamp e membro da Câmara Técnica do Conselho Regional de Nutricionistas da 3ª Região SP-MS, Diogo Thimoteo da Cunha.

Leia também: Em busca da nota mil: confira dicas para mandar bem na redação do Enem

A atenção com a alimentação é uma unanimidade entre os especialistas, já que ingerir os alimentos corretos podem ajudar os estudantes a ir bem na prova . Por isso, para quem for sair cedo de casa o ideal é garantir comer alimentos que sejam fontes de carboidratos e proteínas, como pão, ovo e frutas.

A nutricionista da E4 Nutrição, Karla Maciel, ressalta que é necessário evitar comer alimentos diferentes do que a pessoa já está acostumada. “A dica é manter a alimentação equilibrada, evitar frituras, bebidas alcoólicas, que pode prejudicar o metabolismo e evitar ‘fast food’ que pode causar desconforto gastrointestinal”, disse. A orientação da nutricionista também deve ser seguida nos dias que antecedem a prova.

Já para quem tem a oportunidade de almoçar antes de sair de casa a regra é “equilíbrio”. “É preciso evitar a escolha de alimentos gordurosos que apresentam digestão dificultada e que podem prejudicar o desempenho para o raciocínio durante a prova”, afirma Karla. A nutricionista também aconselha que os estudantes tomem energético 10 minutos antes de começar a prova.

Como a prova é longa, os especialistas também recomendam que os alunos levem alimentos para comer. “Água, frutas, mix de castanha, até mesmo um chocolate, esses alimentos são bons para relaxar”, recomenda Cunha.

Leia também: Para não zerar no Enem: confira o que pode anular sua prova ou te eliminar

Descanse e conheça o local de prova para não ser um dos atrasados do Enem

Os estudantes precisam conhecer e até mesmo visitar o local de provas para evitar ser um dos atrasados do Enem
Divulgação
Os estudantes precisam conhecer e até mesmo visitar o local de provas para evitar ser um dos atrasados do Enem

No feriado e no sábado, a palavra de ordem é descansar . “A dica para véspera é descansar o corpo e a cabeça, o importante a essa altura é que o que tinha que ser apreendido já foi”, ressalta o CEO da EduQC. “É preciso evitar atividades físicas que podem ocasionar lesões também.”

“É muito importante conhecer o local da prova, planejar para chegar uma hora antes, porque esse medo do atraso vai tirar o equilíbrio emocional, e vai fazer com que ele tenha um desempenho abaixo do esperado”, afirma Maia.

Leia também: Simulados ajudam a treinar agilidade na reta final de preparação para o Enem

Para segurar a ansiedade, Alvarez recomenda uma técnica de respiração. “Quando o estudante tiver um pico de ansiedade, ele pode fechar os olhos, inspirar percebendo a barriga inchar, e respirar, ouvindo a respiração. Faça isso por um, dois, três minutos para ficar mais calma. E claro, o ideal é treinar essa técnica antes”, explica. Alvarez também ressalta que para não estar no grupo de atrasados do Enem , o estudante deve se preparar para chegar no local de prova no horário da abertura dos portões.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.