Perfil do governador do Rio no Instagram
Reprodução/Instagram - 19.04.2022
Perfil do governador do Rio no Instagram

As redes sociais do governador do Rio, Cláudio Castro (PL), tiveram um 'boom' de seguidores no último dia 8. Em 24 horas, o número de pessoas que passaram a seguir o perfil do governador no Instagram saltou de 120 mil para 156 mil — um número 30% maior, de acordo com a plataforma Crowtangle. Parte dos perfis que passaram a acompanhá-lo nesta data se identifica como originária da Índia e em poucos casos possui seguidores ou segue mais alguém.

De acordo com o governo do Rio, o aumento súbito de seguidores se deve a uma "tentativa de ataque às redes do chefe do Executivo na data citada". Desde então, segundo o governo, as equipes que controlam o perfil de Castro se esforçam para "remover os perfis indianos que invadiram as redes". Quando questionados sobre o porquê de um ataque hacker ter garantido novos perfis para acompanhar as políticas de Castro, os administradores das suas redes não souberam responder. O Instagram já investiga o caso, por se tratar de uma conta verificada, de acordo com a equipe de pré-campanha.

Castro ganhou os novos apoiadores digitais menos de 24 horas depois da divulgação da última pesquisa do Instituto Datafolha, em que aparece tecnicamente empatado em primeiro na corrida ao governo do Rio de Janeiro com Marcelo Freixo (PSB). Naquele dia, Castro fez apenas duas publicações que não viralizaram. Na primeira, com 1.149 curtidas, anunciou uma força-tarefa para fiscalizar os serviços dos trens da SuperVia. Na outra, com 3.415 curtidas, anunciou a volta da Stock Car ao estado.

Os 36 mil ganhos em 24 horas fogem da média de novos contatos das redes sociais de Castro: habitualmente, de acordo com o Crowdtangle, Castro não ultrapassa a marca de 200 novos simpatizantes por dia. No último ano, o crescimento do número de seguidores do governador só fugiu a esta média no dia 11 de maio de 2021, quando ganhou 8 mil . Porém, nesta data, o governador fez uma série de postagens sobre o Massacre do Jacarezinho, que deixou 27 mortos após ação policial, e viralizou.

Os 36 mil novos seguidores angariados por Castro em apenas um dia chamam atenção no comparativo com os seus adversários na corrida eleitoral e até mesmo com influenciadores digitais em alta. Ao longo do último ano, Marcelo Freixo, que tem 1,1 milhão de seguidores, atraiu 77 mil novos seguidores. Felipe Santa Cruz conseguiu 9 mil, enquanto Rodrigo Neves não atingiu 5 mil. Ao pesquisar perfis que adicionaram Castro, muitos se apresentam de origem indiana.

Última eliminada do Big Brother Brasil, Jessilane Alves não ultrapassou 30 mil novos seguidores em nenhum dia que antecedeu o paredão no qual foi eliminada do programa. A ex-participante do reality show, entretanto, ganhou 73 mil simpatizantes na noite em que deixou o BBB.

Leia Também

Meta de se tornar mais conhecido

A estratégia de Castro nas redes sociais tem sido a de não nacionalizar a campanha e ressaltar obras executadas em seu governo. O plano de se posicionar como um candidato de centro é defendido por alguns dos seus principais articuladores políticos, apesar de ser correligionário do presidente Jair Bolsonaro (PL), a quem não se associa em fotos ou vídeos.

De acordo com entrevista ao GLOBO do marqueteiro responsável pela sua campanha à reeleição, Paulo Vasconcelos, levantamentos feitos pelo governo apontam que até 60% do eleitorado fluminense não conhece o chefe do Executivo. Até junho, quando começam as inserções na mídia, a equipe prepara estratégias para torná-lo um nome mais conhecido. Até o momento, Castro aposta na polarização com Marcelo Freixo.

A última pesquisa Datafolha mostra Castro e Freixo tecnicamente empatados na liderança da disputa pelo Palácio Guanabara neste ano . Freixo aparece com 22% em um dos cenários, enquanto Castro tem 18%.


Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo. 



    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários