Vídeo: homens são engolidos pelo solo durante a chuva em Petrópolis
TV Brasil
Vídeo: homens são engolidos pelo solo durante a chuva em Petrópolis

Uma semana depois da tragédia que deixou ao menos 197 pessoas mortas em Petrópolis, na Região Serrana do Rio, ainda é possível se deparar com imagens impactantes que aconteceram na noite do dia 15 de fevereiro. A câmera de segurança de uma estamparia que funcionava no Morro da Oficina, um dos pontos mais afetados pelos deslizamentos e inundações, mostrou o momento exato em que o chão da fábrica é 'engolido' pelo solo.

Nas imagens, havia pelo menos três homens trabalhando no local, que já estava sendo inundado pela água da chuva. O registro foi feito no dia 15 de fevereiro, às 18h34. O Corpo de Bombeiros confirmou que havia uma estamparia funcionando no Morro da Oficina e que as buscas neste ponto consta no mapeamento da área. Até o fechamento desta reportagem não foi confirmado se alguém sobreviveu ou se os corpos foram encontrados.

Veja o vídeo: aviso de imagens fortes


Oitavo dia de buscas

As buscas por desaparecidos em Petrópolis chegaram a seu oitavo dia nesta terça-feira - são 69 pessoas ainda não encontradas. A tragédia provocada pelas chuvas na última semana se tornou a maior da história da cidade. De acordo com a prefeitura da cidade imperial, o maior desastre anterior foi causado por temporais em 1988, quando registrou 171 mortes.

As equipes de busca se dividem em três áreas principais — os setores Alfa, Bravo e Charlie, que abrangem regiões como o Morro da Oficina, a Rua Teresa, o Alto da Serra, a Chácara Flora, a Vila Felipe, Caxambu e localidades vizinhas. O posto de Comando Central está localizado no 15º Grupamento de Petrópolis.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários