Homem morreu na fila de espera do Hospital Rocha Faria, no Rio; unidade está com superlotação
REPRODUÇÃO G1
Homem morreu na fila de espera do Hospital Rocha Faria, no Rio; unidade está com superlotação

Um homem morreu na manhã desta sexta-feira (27) na fila de espera do Hospital Rocha Faria, no Rio. A  unidade, que tem uma das maiores emergências da Zona Oeste da capital fluminense, está superlotada.

A unidade tem doentes em macas situadas nos corredores, pois não há quartos disponíveis. Na noite de ontem, pacientes relataram que não havia médicos para socorrer as pessoas.

Na manhã desta sexta-feira, segundo informações do G1 , 84 pacientes aguardavam exames ou internação em leitos e macas — o dobro da capacidade da sala de emergência.

A Secretaria Municipal de Saúde disse que o homem que foi a óbito chegou na recepção com dor no peito, fez exames e evoluiu para um mal súbito. Médicos teriam tentado reanimar o rapaz, mas ele não resistiu, informou a pasta em nota.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários