Vela provocou incêndio na casa e matou a criança
Arquivo pessoal
Vela provocou incêndio na casa e matou a criança

Um menino de 4 anos morreu após uma vela provocar um incêndio enquanto ele dormia na casa do pai, no bairro Jardim Soeiro, em Ferraz de Vasconcelos, em São Paulo , nessa terça-feira (10). Segundo a família, Arthur Henrique Lima dos Santos havia sido deixado sozinho na residência com a vela acesa, já que o bairro estava sem luz desde a noite anterior. As informações foram apuradas pelo portal Metrópoles .

O objeto caiu no chão e fez com que as chamas se espalhassem rapidamente pelo local. A criança foi encontrada já sem vida na casa após ter inalado grande quantidade de fumaça.

Em entrevista ao jornal, a tia do menino, Amanda Lima, disse que Gabriel Gonçalves dos Santos buscou o filho na última sexta-feira (6) na casa da mãe, na zona leste de São Paulo, para que eles passassem o Dia dos Pais juntos.

"Ele foi pra casa do pai na sexta-feira e era para ter voltado no domingo. Ele ia cortar o cabelo no meu sobrinho na segunda, mas acabou deixando pra vir na terça. De segunda para terça, eles colocaram vela porque a energia tinha acabado. Pegou fogo no barraco todo e ele inalou muita, muita fumaça", explicou ao jornal.

A tia relatou ter tido dificuldades para arcar com os valores do sepultamento da criança, que será enterrada nesta sexta-feira (13) no Cemitério Lajeado, em Guaianases.

Além de Arthur, a mãe, Beatriz Lima, tem uma filha de seis anos e está grávida, esperando outro bebê.

Ao Metrópoles , a família disse que o pai foi preso, mas a informação ainda não foi confirmada pela Secretaria de Segurança Pública de São Paulo.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários