Avenida Paulista
Roberto Parizotti/Fotos Públicas
Estudo mostrou queda de 38% no número de ocorrência em comparação ao primeiro semestre de 2019.

A Avenida Paulista , um dos principais pontos turísticos de São Paulo , lidera um ranking de vias com maior número de roubos de celulares no primeiro semestre de 2020. A informação foi obtida através de um estudo realizado pela Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado (Fecap).

Ao todo, foram analisados 69.628 boletins de ocorrência sobre roubo de celular em todo o estado. Segundo o estudo, atrás da Paulista, vêm as avenidas Cruzeiro do Sul, Sapopemba, Ragueb Chohfi e Brigadeiro Faria Lima.

O estudo também analisou os bairros com maior incidência de roubos, sendo eles: Grajaú (1.092), Capão Redondo (973), Itaim Paulista e República (874). Em relação aos horários, 44,57% dos roubos ocorrem durante a noite, seguido pela tarde (22,08%), manhã (18,94%) e madrugada (14,14%).

Do total de casos analisados, 39.996 foram registrados em São Paulo, 1.919 em Santo André, 1.897 em Guarulhos e 1.896 em Diadema. Também foi constatada uma queda de 38% no número de ocorrências em comparação ao mesmo período do ano passado.

    Veja Também

      Mostrar mais