UNB
Reprodução
UNB expulsou alunos por fraude nas cotas

A Universidade de Brasília (UNB) expulsou 15 alunos por suspeita de fraudes em cotas raciais. Além disso, a universidade também cassou o diploma de outros 2 alunos. Outros 8 alunos, que estavam afastados da UNB, também perderam seus créditos por fraude no sistema de cotas.

Segundo comunicado da Universidade de Brasília, as investigações sobre as possíveis fraudes teve início no final de 2017, após denúncias terem sido feitas. Ao todo, 101 casos foram investigados.

Deste 101 casos, 28 foram investigados mais a fundo, até que o número chegou aos 25 alunos expulsos ou com diplomas ou créditos cassados. Entre os expulsos há 4 estudantes de direito, 4 de medicina, 3 de ciências sociais, 1 de letras, 1 de ciência da comunicação, 1 de medicina veterinária e 1 de engenharia de software.

Os dois alunos que já haviam se formado cursaram direito e tiveram seus diplomas cassados pela instituição. Nesta segunda-feira (13), a USP também expulsou um estudante de relações internacionais por fraude no sistema de cotas.

    Veja Também

      Mostrar mais