Na última terça-feira (05), o sistema penitenciário do Distrito Federal registrou 106 casos do novo coronavírus (Sars-coV-2). Com isso, o total de infectados catingiu a marca de 400, sendo 273 detentos e 127 policiais. Até a noite de segunda (04), os registros eram de 294 contaminados.

Leia também: Hong Kong supera a segunda onda de contaminações da Covid-19

Agentes da Vigilância Ambiental fazem desinfecção do CDP%2C no Complexo da Papuda
Secretaria de Segurança Pública do DF
Agentes da Vigilância Ambiental fazem desinfecção do CDP, no Complexo da Papuda

As informações são da Subsecretaria do Sistema Penitenciário do DF (Sesipe-DF) e, segundo a pasta, parte das pessoas que testaram positivo para Covid-19 ainda aguardam contraprova, então os números podem sofrer alterações.

Leia também: Maioria dos brasileiros com Covid-19 tem de 20 a 39 anos, diz estudo

Entretanto engana-se quem pensa que apenas o sistema judiciário brasileiro tem tido dificuldades para lidar com a pandemia . Nos Estados Unidos, o isolamento afastou juízes, promotores e advogados de parte suas funções e criou um efeito inusitado: a suspensão das execuções dos condenados à morte.

No estado do Colorado, o governador democrata Jared Polis, que já planejava extinguir a penalidade, acelerou seus planos diante do coronavírus e decretou o fim da mesma no dia 23 de março.

Leia também: Covid-19: Mortes por dia nos EUA podem chegar a 3 mil

No Texas, duas injeções letais agendadas para o final do mês de março foram adiadas sob o argumento de que a aglomeração de pessoas, comum nesses eventos, favoreceria o contágio da Covid-19

    Veja Também

      Mostrar mais