Tamanho do texto

Fogo havia sido controlado na tarde deste domingo (15), mas bombeiros encontraram novos focos horas depois

Planeta

Bombeiros combatendo incêndio no Pará arrow-options
Corpo de Bombeiros Militar do Pará
Há 100 bombeiros atuando no combate ao incêndio no Pará

A Polícia Civil do Pará investiga se o incêndio que  atingiu uma área de preservação ambiental em Alter do Chão, em Santarém, na Floresta Amazônica, é criminoso.

Leia também: Sem freio, caminhão bate em poste, pega fogo e destrói veículos e casa; assista

Suspeita-se que o incêndio, que começou no sábado (14), tenha sido provocado propositalmente. Na tarde de domingo o governo do Pará anunciou que o fogo havia sido controlado, mas um novo foco foi encontrado por bombeiros, em um local de mata fechada e, portanto, de difícil acesso.

O governo do Pará pediu ajuda ao governo federal e cerca de 100 militares trabalham na contenção do fogo . Ainda não foi divulgado o tamanho da área atingida. Nesta segunda-feira devem chegar um avião-pipa e mais militares para ajudarem nos trabalhos.

Leia também: Operação tenta prender hackers responsáveis por clonar cartões de crédito em SP

Alter do Chão é um dos principais destinos turísticos do Pará. Fica a 37 quilômetros de Santarém e a 1.373 quilômetros de Belém. O balneário é como “Caribe da Amazônia”, por conta das prais de areia branca e água nos tons de verde e azul.