Há 100 bombeiros atuando no combate ao incêndio no Pará
Corpo de Bombeiros Militar do Pará
Há 100 bombeiros atuando no combate ao incêndio no Pará

Um incêndio de grandes proporções atingiu a região oeste do Pará neste final de semana. Com o tempo seco e o vento, o fogo se alastra com facilidade e um dos três focos ainda não foi controlado. O governo do estado pediu ajuda federal para combater as chamas.

Leia também: Após incêndio e mortes, hospital do Rio ainda tem 77 pacientes internados

Segundo a Agência Pará , o fogo começou no sábado (14) em uma região de mata conhecida como Capadócia, entre Alter do Chão e Ponta de Pedras. No domingo (15), as chamas haviam sido controladas, mas um novo foco de incêndio foi identificado.

O governador Helder Barbalho (MDB) informou em seu perfil no Twitter que pediu ao general do Exército Paulo Sérgio solicitando o envio de um avião pipa. Ele também disse que conversou sobre as queimadas com o ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, que afirmou que acionaria o ministério da Defesa. 

O apoio do governo federal foi solicitado por meio da operação de Garantia da Lei e da Ordem (GLO), que atua no combate às queimadas na região amazônica.

Leia também: Sem freio, caminhão bate em poste, pega fogo e destrói veículos e casa; assista

Ainda segundo o governador, um avião do Exército levará na tarde desta segunda-feira (16) 40 bombeiros para reforçar o efetivo na região. Atualmente, 100 profissionais estão atuando no combate ao incêndio no Pará. Na manhã desta segunda, um drone sobrevoou a região para ajudar os bombeiros a identificar os locais afetados.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários