Tamanho do texto

Soldado da Aeronáutica fez gravação na base aérea de Guarulhos, em São Paulo; procurada, a FAB afirmou que soldado deu baixa na última sexta

soldado fuma
Reprodução/Facebook
Soldado grava vídeo caçoando da FAB e fumando cigarro; segundo a Aeronáutica, fumo é de palha, não de maconha

O vídeo de um soldado da Força Aérea Brasileira (FAB) fumando e rindo da Aeronáutica vem circulando nas redes sociais. A gravação – que ocorreu dentro da base aérea de São Paulo, em Guarulhos – foi publicada no Instagram do militar, onde também foi postada, recentemente, uma foto que associa a sigla FAB aos termos Força Aérea da Biqueira. 

Leia também: Polícia afirma que cocaína em voo da FAB foi encontrada por acaso

Nas imagens, o militar que está gravando aparece cercado por outros dois soldados, enquanto traga um cigarro. Os três usam o uniforme de educação física da FAB e estão em uma espécie de arquibancada. As imagens viralizaram poucos dias depois de um sargento ser flagrado levando 39 kg de cocaína dentro de um avião da Aeronáutica, à Espanha, quando estava acompanhando a comitiva do presidente Jair Bolsonaro ao G-20, no Japão. 

De acordo com a própria FAB, os vídeos virais foram investigados pelo setor de inteligência. O militar foi identificado, estava fazendo serviço militar obrigatório temporário, e deu baixa da instituição na última sexta-feira (28). Além disso, segundo a assessoria de imprensa da Aeronáutica, o cigarro que o soldado aparece fumando não é um cigarro de droga, maconha , mas de palha. 

Leia também: 'Ninguém em primeira viagem vai colocar 39 quilos de droga', diz Bolsonaro

Não ficou claro, porém, se o autor do vídeo será punido por caçoar da instituição nas redes sociais. Segundo a FAB , os outros militares envolvidos nas imagens também foram identificados e também já deram baixa, não fazendo mais parte da Aeronaútica.

Leia também: Silva Rodrigues, o sargento que foi preso com 39 kg de cocaína em avião da FAB