Tamanho do texto

Suspeita foi encontrada pelos policiais com roupas íntimas e tranquila; seu ex estava esfaqueado, se arrastando, sem roupas e gritando por socorro

UPA Justinópolis
Reprodução/Google Earth
Ex-namorado que não teve identidade revelada foi levado às pressas à Unidade de Pronto-Atendimento de Justinópolis

Uma mulher foi presa em flagrante nesta quarta-feira (1º), por tentativa de assassinato contra o seu ex-namorado, no município de Ribeirão das Neves, na Grande Belo Horizonte, em Minas Gerais. O casal foi encontrado em um matagal, ele sem roupas e ela com peças íntimas, mas a mulher negou ter sofrido qualquer abuso. Segundo o seu próprio depoimento, o encontro em meio às árvores foi programado por ela mesma, com o intuito de matar o seu ex. 

Leia também: Mulher é salva pelo ex após ser espancada pelo namorado no litoral de SP

O homem foi encontrado com cortes graves pelo corpo, às margens da rodovia LMG-806, onde gritava por socorro. O ex-namorado que não teve sua identidade revelada foi levado às pressas à Unidade de Pronto-Atendimento (UPA) de Justinópolis após, conforme os médicos, receber três facadas no pescoço, tórax e abdômen.

Aos policiais do 22º Batalhão, onde o Boletim de Ocorrência foi registrado, a mulher contou que chamou seu ex , de 28 anos, para ter relações no matagal. No entanto, em momento nenhum ela teve tais intenções, sendo que o objetivo do encontro seria o assassinato dele. De acordo com seu depoimento, a mulher deixou o homem sem roupas, o dopou com remédio para dormir e o amarrou em uma das árvores do matagal .

Leia também: Mulher descobre que suposto ex-namorado perseguidor era seu próprio marido

Desacordada por cerca de duas horas, a vítima foi esfaqueada. O homem só não acabou morto porque acordou no meio do processo, conseguiu se desprender das fitas adesivas que o seguravam no tronco e fugiu como conseguia em direção à rodovia. 

O vigilante de um aterro sanitário ouviu os gritos do homem esfaqueado e acionou a PM. Pouco tempo depois, os policiais ouviram os gritos da mulher e, ao entrar no matagal, encontraram a mulher seminua e tranquila. Segundo ela, o crime contra o ex-namorado havia sido planejado porque o homem estaria ameaçando a família dela. A criminosa foi levada para a Delegacia de Ribeirão das Neves e o caso será investigado pela Polícia Civil. 

Leia também: Prisão de piloto que espancou ex-namorada depende da Justiça, diz polícia