Tamanho do texto

Permanecem internadas três pessoas que se feriram no acidente, ocorrido na última sexta-feira; destroços já foram recolhidos e investigação teve início

Avião atingiu três casas na zona norte de São Paulo na última sexta-feira (30)
Divulgação/Corpo de Bombeiros de São Paulo
Avião atingiu três casas na zona norte de São Paulo na última sexta-feira (30)

Teve alta médica neste domingo (2) a menina de oito anos de idade que acabou sofrendo queimaduras devido à  queda de um avião sobre a sua casa na tarde da última sexta-feira (30), na zona norte de São Paulo. O acidente resultou na morte dos dois tripulantes da aeronave (Guilherme Murback, de 26 anos, e Leonardo Kasuiro Imamura, de 43) e feriu ainda outras 11 pessoas.

A menina estava internada desde sexta no Hospital Samaritano e havia deixado a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) nesse sábado (1º). A criança, no entanto, passou mais uma noite internada para receber cuidados e controle da dor, mas hoje já foi liberada a retornar à sua família.

Além dessa menina ferida por conta da queda do avião , também recebeu alta neste fim de semana um dos feridos que haviam sido encaminhados após o acidente ao Hospital Estadual da Vila Penteado. Outras duas pessoas permanecem internadas na ala de queimados, mas, de acordo com a Secretaria de Estado da Saúde, 

Uma terceira vítima da queda da aeronave segue internada também no Hospital do Tatuapé. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, seu estado de saúde permanece estável. Não foi informado se há previsão de alta.

Leia também: Prefeitura de SP reergue viaduto e diz que demolição está "100% descartada"

Escombros do avião já foram retirados

Dezesseis equipes do Corpo de Bombeiros atuaram no local onde avião caiu, em São Paulo
Divulgação/Corpo de Bombeiros de São Paulo
Dezesseis equipes do Corpo de Bombeiros atuaram no local onde avião caiu, em São Paulo

A aeronave que caiu sobre três casas e veículos na tarde de sexta-feira deveria seguir viagem para a cidade de Jundiaí, no interior paulista, mas não conseguiu ganhar altitude e acabou caindo momentos após decolar da pista do aeroporto Campo de Marte .

Os  escombros do avião, do modelo Cessna 210N, foram retirados nesse sábado por equipes do Corpo de Bombeiros. O acidente aéreo é investigado pelo Cenipa (Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos). Em nota, o órgão informou que investigadores já realizam a ação iInicial da ocorrência. Issorepresenta o começo do processo de investigação e tem como objetivo coletar dados, fotografar cenas, retirar partes da aeronave para análise, reunir documentos e ouvir relatos de testemunhas.

O Cenipa informou apenas que a conclusão da investigação "terá o menor prazo possível, dependendo sempre da complexidade do acidente" com o avião .

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.