Câmara dos Deputados
Reprodução O Globo
Câmara dos Deputados

Mesmo com o ConecteSus fora do ar após um  ataque hacker , a Câmara dos Deputados manteve a exigência do comprovante de vacina. Em nota, a assessoria informou que “excepcionalmente” está sendo admitida a entrada de "visitantes mediante a apresentação de foto ou cópia digital do cartão de vacinação".

Ainda segundo a nota, "servidores e colaboradores com acesso rotineiro já têm o selo de comprovação exposto em seus crachás, obtido após apresentação de atestado de vacinação à administração da Casa”.

Desde outubro, com o retorno aos trabalhos presenciais, a Câmara passou a exigir a comprovação de pelo menos uma dose da vacina contra o coronavírus.

No Senado, no entanto, não há cobrança de comprovante de vacinação. Quem acessa o Congresso pela Casa precisa apenas preencher um formulário com dados pessoais e responder a perguntas sobre possíveis sintomas.

O Ministério da Saúde acionou o Gabinete de Segurança Institucional (GSI) e a Polícia Federal (PF) para investigar os ataques hackers sofridos na página da pasta e nas plataformas Conecte Sus, Painel Coronavírus e DataSUS na madrugada desta sexta-feira.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários