O youtuber bolsonarista Zé Trovão
Reprodução
O youtuber bolsonarista Zé Trovão

O caminhoneiro e youtuber Marcos Antônio Pereira Gomes, conhecido como Zé Trovão , que teve a prisão decretada ontem (3), "convidou" o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF), a ir prendê-lo durante as manifestações a favor do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), marcadas para terça-feira (7), feriado da Independência.

Em um vídeo que circula nas redes sociais, Zé Trovão diz estar "à disposição" de Moraes, que assinou o pedido de prisão feito pela Procuradoria-Geral da República (PGR).

"Eu vou te fazer um convite Alexandre de Moraes. Que tal você mesmo vir a Paulista no dia 7 de setembro e me prender? Estarei lá a sua disposição".

Na gravação, o caminhoneiro bolsonarista disse ainda que a ordem de prisão não foi executada porque ordem "ilegal não se cumpre", e que o ministro "poderá fazer o uso da palavra" se comparecer ao ato para efetuar a prisão.

Em uma transmissão ao vivo feita em suas redes sociais ontem, Trovão afirmou que seu plano é se entregar à PF durante a manifestação, "no meio do povo". O posicionamento foi confirmado por seu advogado, Levi de Andrade.

"Vou me entregar para vocês dia 7 de setembro, no meio do povo. Vai me buscar lá. Só isso que eu tenho para dizer. […] Eu não quero que ninguém feche barreiras. O povo abre e deixa a polícia me prender no meio do povo. Dia 7 de setembro vocês podem me prender", declarou.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários