Educação política: Entenda o que o prefeito faz com impostos que você paga

Para o cientista político Humberto Dantas, não existe 'fórmula mágica' e a prefeitura que não arrecada suficiente deixa de prestar serviços de direito dos cidadãos

iG São Paulo | - Atualizada às

O iG apresenta, nesta quarta-feira, mais um episódio da série sobre educação política , que reúne ao todo oito programas dentro da cobertura especial das eleições municipais de 2012 . O tema desta vez explica como a prefeitura se sustenta por meio dos impostos e das taxas municipais. Apesar de impopulares, essas tarifas são importantes para que a o governo do município não deixe de prestar serviços associados ao direito de cada cidadão.

Saiba tudo sobre a disputa eleitoral no página especial das eleições 2012

Calendário eleitoral: Confira as datas dos principais eventos das eleições 2012

Guia do eleitor: Tire suas dúvidas e saiba como usar a urna eletrônica

"Gostando ou não, não existe fórmula mágica para os prefeitos e contribuintes. A prefeitura que não arrecada o suficiente deixa de prestar serviços associados aos direitos de cada cidadão. O que as prefeituras conseguem arrecadar não pode sumir em desvios ou em propaganda para eleger prefeitos ou seus candidatos a sucessor", explica o cientista político Humberto Dantas.

No episódio de estreia, Dantas explicou a importância da Lei da Ficha Limpa para coibir abusos de maus políticos. No segundo, foi a vez da Lei dos Bispos , que pune a compra de votos nas eleições. O terceiro, explicou a importância do voto , enquanto o quarto alertou para o marketing político . No quinto episódio, o cientista político explicou a importância das alianças .

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG