Adolescente dos EUA protesta contra 'meninas perfeitas' em revista

Julia Bluhm, 14 anos, faz abaixo-assinado para que 'Seventeen' deixe de alterar fotos e dê imagens corporais mais reais aos jovens

The New York Times |

Na aula de balé de Julia Bluhm, muitas meninas chegavam dizendo estar em “um dia gordo”. Às vezes, reclamavam que seus rostos estavam cheia de espinhas ou cravos. Muitas simplesmente diziam estar nojentas. Quando ouvia queixas como essa, Julia, que cursa a oitava série, respondia: "Você está louca?"

Ela entendeu o motivo de tudo isso ao folhear uma de suas revistas favoritas, a Seventeen. "Olho as fotos de meninas publicadas na revista e elas simplesmente não se parecem com as meninas que vejo andando pela rua", disse Julia, que completou 14 anos no mês passado.

Leia também: Escola dos EUA faz baile de formatura só para meninas

AP
Julia Bluhm (centro) e suas amigas protestam contra uso de Photoshop em frente ao prédio da revista 'Seventeen' em NY (02/05)

Julia, que tem um blog e faz parte de um projeto que combate a sexualização de meninas, conversou sobre isso com outras blogueiras. Posteriormente, criou um abaixo-assinado online pedindo que a Seventeen se "comprometa a publicar um editorial de fotos reais e inalteradas por mês".

“Levamos a Seventeen para a escola e no intervalo mostramos para as pessoas, para ver se elas concordavam com o abaixo-assinado”, explicou. "Muitas delas assinaram."

Os meninos também? "Alguns meninos também", disse. "Acho que muitos assinaram porque achavam que era legal eu estar conseguindo mobilizar tantas pessoas."

De fato: na noite de quinta-feira, 3 de maio, a petição tinha sido assinada por 46 mil pessoas.

Julia e sua mãe, Maria Beiter, foram para Nova York para uma manifestação organizada pelo site Change.org diante do prédio da Seventeen - elas moram em Waterville, Maine. Julia e cinco garotas posaram para fotos sem retoques. Uma equipe do programa "Nightline", da ABC, acompanhou a menina durante o dia, e a editora-chefe da Seventeen, Ann Shoket, convidou Julia e sua mãe para visitar o escritório.

A revista se sentiu ligeiramente prejudicada por ter sido escolhida como alvo de um protesto contra uma prática muito comum em revistas de moda e comportamento. "Acho que fazemos um trabalho fenomenal em celebrar a autenticidade das meninas reais, sua beleza real, autêntica, de tons de pele, etnias, tamanhos e formas diferentes", disse Ann. "São meninas jovens, então estão em ótima forma."

A caminho do aeroporto, Julia disse valorizar as atitudes da revista para incluir meninas com muitos tipos de corpo. Mas ela também descreveu o que vê nas suas páginas.

"Olho para essas meninas e elas, tipo (sic), não têm sardas ou pintas em qualquer lugar de seus corpos", disse. "Você não vê nenhum poro na sua pele, ela é perfeitamente lisa e brilhante. Elas não têm marquinha de biquíni, cortes ou qualquer coisa assim."

Julia disse saber que estas características comuns podem ser disfarçadas com maquiagem e luzes. "Ao mesmo tempo, a maquiagem não cobre tudo", disse. Para isso, é preciso o retoque digital.

Voltando para Ann Shoket: Então, a revista usa técnica digitais para melhorar as imagens publicadas em suas páginas? "Não quero entrar em detalhes sobre o que fazemos e não fazemos", disse.
Julia afirmou que as imagens irreais também causam transtorno para os meninos. "São imagens de meninas que não existem", disse ela. "Além disso, muitos dos garotos que posam para a revista Seventeen têm um corpo malhado que definitivamente não é nem um pouco realista."

Ambos os lados disseram ter concordado em manter contato, mas nenhuma promessa foi feita sobre a publicação de um editorial sem retoques por mês. "Dei meu email para ela", disse Julia.

Ann Shoket, que busca recuperar a revista de onda de publicidade negativa que considera injusta, disse admirar Julia. "Ela teve muito poder ao ter uma ideia e deixar sua marca no mundo”, afirmou.

Ao voltar para casa, todos estão interessados em sua história.

"O Facebook e a escola estão uma loucura", disse Julia.

Por Jim Dwyer

    Leia tudo sobre: euameninasadolescentesphotoshopseventeenrevista

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG