Vídeos mostram vítimas de suposto ataque químico na Síria; assista

Por BBC Brasil | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Imagens foram publicadas no YouTube por ativistas no país; segundo opositores, centenas morreram no ataque

BBC

Vídeos postados no YouTube por ativistas na Síria mostram as consequências de um suposto ataque com armas químicas, que teria deixado centenas de mortos.

Síria: Oposição acusa governo de matar centenas em ataque químico

Domingo: Equipe da ONU chega na Síria para investigar armas químicas

Assista ao vídeo:

Pelas imagens não é possível provar a utilização de armas químicas. As filmagens, que mostram pessoas sendo tratadas em hospitais improvisados, não puderam ter a veracidade comprovada por fonte independente.

Reação: ONU faz reunião de emergência sobre suposto ataque químico

Entretanto, o especialista Hamish de Bretton-Gordon disse à BBC que o que é visto nas filmagens é consistente com o uso de armas químicas.

Veja imagens do suposto ataque químico na Síria:

Imagem fornecida pelo Gabinete de Mídia de Douma mostra sírio ao lado de corpos de vítimas mortas por suposto ataque químico. Foto: APCrianças afetadas por suposto ataque químico respiram com máscaras de oxigênio no subúrbio de Saqba, Damasco. Foto: ReutersSírios tentam identificar corpos depois de suposto ataque químico em Arbeen, subúrbio da Síria. Foto: APMenino que sobreviveu a suposto ataque químico chora em abrigo montado dentro de mesquita no bairro de Duma, Damasco. Foto: ReutersHomem e mulher velam corpos de sírios após suposto ataque com gás venenoso lançado pelas forças do regime de Assad. Foto: APJovem que sobreviveu a suposto ataque químico chora dentro de mesquita em bairro de Duma, Damasco. Foto: ReutersHomem, afetado pelo que ativistas dizem ser gás neurológico, respira com ajuda de máscara de oxigêneo em subúrbio de Damasco. Foto: ReutersImagem fornecida pelo Comitê Local de Arbeen mostra corpos de sírios enfileirados em Arbeen, Damasco. Foto: APSegundo ativistas da oposição, armas químicas teriam matado centenas. Foto: BBCSírios colocam corpos de vítimas de suposto ataque químico em vala comum em Hamoria, área nos subúrbios a leste de Damasco. Foto: Reuters


Leia tudo sobre: síriamundo árabeprimavera árabearmas químicasassadsarin

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas