Homem foi condenado por molestar um garoto menor de 16 anos; detenção é baseada em portaria assinada recentemente

Um homem chamado Allan Gendler, condenado nos EUA por ter molestado um jovem com menos de 16 anos, foi impedido de entrar no Brasil ao desembarcar no Aeroporto Galeão, no Rio de Janeiro, neste sábado (7). 

A Polícia Federal deteve o estrangeiro baseada na portaria do governo que prevê o impedimento de acesso ao País por parte de estrangeiros condenados por crimes relacionados à exploração sexual de crianças e adolescentes ou à pornografia infanto-juvenil.

A portaria 876/2014 foi assinada recentemente, no dia 23 de maio, pelo ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, e pela ministra-chefe da Secretaria de Direitos Humano da Presidência da República, Ideli Salvatti.



    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.