Ana Paula Matos e Ciro Gomes (PDT)
Reprodução: Twitter - 05/08/2022
Ana Paula Matos e Ciro Gomes (PDT)

O candidato à Presidência Ciro Gomes (PDT), escolheu Ana Paula Matos, vice-prefeita de Salvador (BA), como candidata a vice-presidente , compondo a chapa na corrida ao Palácio do Planalto.

A vice de Ciro foi definida nesta sexta-feira (05), no último dia do período das convenções partidárias, quando as legendas oficializam seus candidatos.

Ana Paula Matos tem 44 anos, é advogada, professora, pós-graduada em finanças, concursada na Petrobras e com mestrado em Administração.

O nome de Ana Paula como vice foi citado ontem (04) por Ciro Gomes durante um discurso na convenção do PDT em São Paulo. "Temos nomes extraordinários, estamos cogitando a ex-reitora da USP, Suely [Vilela], a delegada Martha Rocha, do Rio de Janeiro, a Ana Paula [Matos], vice-prefeita de Salvador, Isabella de Roldão, vice-prefeita de Recife. E eu poderia dizer aqui mais uns 100 nomes, porque nós aqui do PDT, nós empoderamos as mulheres", disse o candidato.

Ana Paula ganhou destaque quando comandou duas secretarias durante a gestão de ACM Neto, na Prefeitura de Salvador. Ela é vice-prefeita de Bruno Reis (União Brasil) desde 2020, quando venceram as eleições. No momento, ela deixou a Secretaria de Governo e está livre para participar das eleições. Caso Ciro perca neste ano, ela poderá voltar ao seu cargo na prefeitura.

Durante coletiva nesta sexta-feira, na sede do PDT em Brasília, Matos se apresentou como "mulher negra, advogada, administradora" e disposta a "trabalhar pelo desenvolvimento econômico e social".

"Eu me orgulho da minha história, da mulher negra que sou, mulher de pele parda que não tem lugar de fala, de quem sofreu preconceito pela cor da pele, mas que tem lugar de fala pelo combate ao racismo e a toda e qualquer forma de preconceito. Quero junto com vocês apresentar ao Brasil um projeto de desenvolvimento econômico e social. Não acredito em desenvolvimento econômico sem o social", disse Ana Paula.

Esta é a quarta vez que Ciro Gomes disputa as eleições presidenciais e a terceira vez que o pedetista opta por uma chapa pura , quando um único partido lança candidatos para o Executivo sem fazer coligações. Nas eleições de 2018, ele também teve como vice uma mulher correligionária, a senadora Kátia Abreu.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários