Temer rebateu declaração da ex-presidente Dilma Rousseff
Reprodução/Flickr
Temer rebateu declaração da ex-presidente Dilma Rousseff


Nesta sexta-feira (22), o ex-presidente da República Michel Temer (MDB) se manifestou sobre a carta aberta escrita e divulgada pela também ex-presidente Dilma Rousseff (PT). A petista chamou o emedebista de golpista e afirmou que “a história não perdoa traição”.

“É tão desarrazoada a manifestação da ex-presidente Dilma Rousseff que não merece resposta”, rebateu Temer em seu perfil do Twitter.

A posição do ex-presidente aconteceu depois que Dilma publicou uma carta o criticando . “É de todo inócuo afirmar que não houve um golpe, pois este personagem se ofereceu como vice-presidente por duas vezes. E, assim, sabia por duas vezes qual era o programa político das chapas vitoriosas que foram eleitas em 2010 e 2014”, diz trecho do texto.

O desabafo de Dilma ocorreu por conta das declarações recentes de Temer sobre a ex-presidente. O emedebista disse que a petista é uma mulher “honestíssima”, mas que não sabia se relacionar com o Congresso. Ele também comentou que o processo de impeachment não foi um golpe.

Toda essa confusão ocorre no mesmo período em que uma ala do MDB negocia para retirar a pré-candidatura de Simone Tebet e levar o partido a apoiar já no primeiro turno o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).

Michel Temer é uma das principais lideranças da sigla e tem se reunido com caciques emedebistas para articular a desistência da senadora. Porém, um grupo de petistas é contrário a uma aproximação entre a legenda com o ex-vice de Dilma Rousseff.


Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o perfil geral do Portal iG .

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários