Pré-candidato à Presidência, Ciro Gomes, do PDT
José Cruz/Agência Brasil - 14.08.2018
Pré-candidato à Presidência, Ciro Gomes, do PDT

Em live nas redes sociais nesta terça-feira (31), o pré-candidato do PDT à Presidência, Ciro Gomes, afirmou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e o atual, Jair Bolsonaro (PL), querem que o povo brasileiro “vote no escuro” nas eleições de outubro.

O pedetista ainda disse que há um “acordo em marcha” entre o petista e o chefe do Executivo para faltar aos debates no primeiro turno.

“Olha o que está acontecendo no Brasil: a mais profunda crise da história e os candidatos não querem debater, se apresentar para o povo. Não querem se explicar, anunciar o que pretendem fazer e querem que você, meu irmão, vote neles no escuro”, disse.

Ciro também disse que está “quase certo” sobre a ausência de Lula nos debates: “Estou quase certo de que você vai fugir. Sabe por que, Lula, você vai fugir? O Bolsonaro disse hoje que não vai aos debates no 1º turno. Quem sabe não pode haver um acordo entre vocês?” perguntou o pré-candidato.

 “Muito machucada”: é assim que Ciro disse que a biografia de Lula se tornará se o petista não for aos debates. O pedetista mencionou novamente o suposto 'acordo' feito entre os dois outros candidatos com as possíveis ausências.

Na terça-feira (31), em entrevista ao apresentador Carlos Massa, conhecido como Ratinho, o presidente Jair Bolsonaro disse que não deve participar dos debates eleitorais no primeiro turno das eleições.

"No 2º turno, vou participar. Se eu for [para o 2º turno]. Devo ir, né? Aí vou participar. No 1º turno, a gente pensa. Por quê? Se eu for, os 10 candidatos vão querer o tempo todo dar pancada em mim”, declarou o chefe do Executivo.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários