Presidente do PL, Valdemar Costa Neto
Reprodução/ Twitter
Presidente do PL, Valdemar Costa Neto

Ao falar sobre o foco da campanha de reeleição, o presidente do Partido Liberal (PL), Valdemar Costa Neto , disse que o presidente Jair Bolsonaro (PL) vai ter 40 inserções nacionais na televisão e rádio somente em um mês.

Em vídeo nas redes sociais, Costa Neto disse que, quando foi feito o fundo eleitoral, eles tiraram as inserções nacionais para "mostrar que estavam fazendo economia", mas que a decisão foi um "grande erro".

"Nós vamos ter as inserções nacionais, que foi um projeto do PL. Porque quando nós fizemos o fundo eleitoral, nós tiramos as inserções para mostrar que nós estávamos fazendo economia. Foi um grande erro, porque os partidos ficaram sem acesso à televisão", afirmou.

"E agora nós vamos ter, este mês, 40 inserções nacionais do Bolsonaro", completou.

Na gravação, o presidente da sigla também falou sobre as propostas para um novo mandato de Bolsonaro e disse que o governo dele foi "muito difícil" por causa da pandemia de Covid-19. "Nós tivemos um mandato muito difícil. Esses dois anos de pandemia mexeram com o mundo", acrescentou. 

Bolsonaro é pré-candidato à Presidência da República em busca de uma reeleição ao cargo. Segundo pesquisa XP/Ipespe  divulgada na última sexta-feira (20), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) aparece na liderança da corrida presidencial, com 44% das intenções de voto, e Bolsonaro em segundo lugar, com 32%.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.  Siga também o  perfil geral do Portal iG.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários