Pré-candidatos à Presidência que aparecem liderando as pesquisas eleitorais
Montagem iG / Imagens: Lula Marques/Agência PT; Fabio Rodrigues-Pozzebom/ Agência Brasil; José Cruz/Agência Brasil; Valter Campanato/Agência Brasil
Pré-candidatos à Presidência que aparecem liderando as pesquisas eleitorais

Pesquisa Ipespe contratada pela XP Investimentos divulgada nesta sexta-feira (13)  mostra que 49% dos brasileiros consideram a agenda econômica como o tema mais importante para ser tratado pelo próximo presidente da República. 

Dentro da temática, os entrevistados pelo instituto fizeram menção a assuntos como inflação, desemprego, fome, miséria e salários.

De acordo com o levantamento, a inflação e o custo de vida são os temas que mais preocupam os eleitores, seguido pela educação. Depois, aparecem o desemprego e saúde como os tópicos que os brasileiros consideram mais importantes para que o próximo presidente discuta logo no início do governo.

Temas mais importantes para serem discutidos pelo próximo presidente, segundo pesquisa do Ipespe
Divulgação
Temas mais importantes para serem discutidos pelo próximo presidente, segundo pesquisa do Ipespe


Conforme a pesquisa estimulada, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) continua liderando a corrida presidencial com 44% das intenções de voto , seguido pelo presidente Jair Bolsonaro (PL), que tem 32%.

Depois, aparecem os nomes do ex-ministro Ciro Gomes (PDT), com 8%, do ex-governador de São Paulo, João Doria (PSDB), com 3%, e do deputado federal André Janones (Avante), com 2%.

De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o primeiro turno das eleições de 2022 está marcado para ocorrer no dia 2 de outubro, e o segundo, no dia 30 do mesmo mês. 

Para realizar a pesquisa, o  Ipespe ouviu 1.000 pessoas por telefone, de 16 anos ou mais, entre os dias 9 e 11 de maio. O nível de confiança é de 95,5%. O levantamento foi registrado no TSE sob o número BR-02603/2022.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários