Presidente Jair Bolsonaro (PL)
Fabio Rodrigues-Pozzebom/ Agência Brasil - 06.03.2022
Presidente Jair Bolsonaro (PL)

O presidente Jair Bolsonaro participou neste sábado de uma cerimônia de filiação de um grupo de deputados bolsonaristas ao PL . O chefe do Executivo, que ingressou no partido no final do ano passado, assinou a ficha de diversos deputados na sede da legenda em Brasília.

Entre os presentes no evento, estavam a ministra Flávia Arruda, da Secretaria de Governo, que também é presidente do PL no Distrito Federal, e o secretário de Cultura, Mário Frias, que já tinha se filiado ao partido logo após o presidente.

O PL não divulgou a lista de deputados que ingressaram no partido, mas o GLOBO apurou que pelo menos 12 confirmaram a entrada no partido na data de hoje. Existe a expectativa de que outro evento como esse seja realizado no próximo final de semana para a filiação de mais deputados.

De acordo com lista obtida pelo GLOBO, dos 12 deputados que entraram para o PL presentes no evento hoje, onze saíram do União Brasil: Coronel Tadeu (SP), Nelson Barbudo (MT), Sóstenes Cavalcanti (RJ), Coronel Crisóstomo (RO), Marcelo Álvaro (MG), Loister Trutis (MS), Coronel Armando (SC), Charles Evangelista MG), Carlos Jordy (RJ), Marcio Labre (RJ) e Luiz Lima (RJ). Na ocasião, Capitão Alberto (AM) trocou o Republicanos pelo partido do presidente.

De acordo com o deputado Coronel Tadeu, que assinou sua ficha de filiação no evento, a expectativa é que o partido , hoje com 44 deputados, ultrapasse as 60 cadeiras e se torne o maior partido da Câmara dos Deputados. Atualmente, a maior bancada é a do União Brasil , resultado da fusão do PSL com o DEM. Entretanto, o União deve perder parlamentares, principalmente bolsonaristas, durante a janela partidária, que termina no dia 1 de abril.

Leia Também

"O presidente desejou sorte pra todo mundo, é o que a gente mais precisa, que a gente tenha sorte nas eleições. As chapas estão muito fortes, principalmente no Rio de Janeiro e em São Paulo. A ideia é fazer deputados em todos os estados", afirmou o Coronel Tadeu.

Antes do evento, a ministra Flavia Arruda afirmou que todos os partidos da base do governo devem ganhar deputados durante a janela partidária.

"Tem muita filiação nos outros partidos também. O ministro Ciro Nogueira tem viajado muito com as filiações dos estados. O Republicanos também. É natural que o partido que o presidente está acabe tendo mais pessoas, isso é mais natural mas os outros partidos da base também estão tendo filiações", afirmou.

Entre no  canal do Último Segundo no Telegram e veja as principais notícias do dia no Brasil e no Mundo.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários