Presidentes do PSL e do DEM, Luciano Bivar e ACM Neto
Toninho Barbosa/ DEM
Presidentes do PSL e do DEM, Luciano Bivar e ACM Neto

Aprovado por unanimidade pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) , o novo partido União Brasil terá a maior bancada na Câmara dos Deputados, com 81 deputados federais em exercício. O número se refere à soma dos 55 parlamentares do PSL, antes a segunda maior bancada da Casa atrás apenas do PT, com os 26 parlamentares do Democratas.

O DEM e o PSL se fundiram em um processo iniciado no ano passado e oficializado agora pela Justiça Eleitoral.

Essa união também aumentou a bancada no Senado, ainda que de forma menos expressiva. O partido terá sete representantes na Casa, somando os cinco do DEM aos dois do PSL.

A expectativa é de que esses números mudem com a abertura da janela partidária em março, quando filiações e desfiliações são esperadas. Mas a junção das legendas dará ao novo partido direito a quase R$ 1 bilhão de recursos do fundo eleitoral, R$ 604 milhões que eram do PSL e R$ 341,7 milhões, do DEM.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários