Bolsonaro desconversa sobre falta a depoimento à Polícia Federal
Reprodução/Flickr
Bolsonaro desconversa sobre falta a depoimento à Polícia Federal

presidente Jair Bolsonaro (PL) desconversou, neste sábado (29), ao ser perguntado sobre o inquérito que apura o vazamento de documentos sigilosos de uma investigação sobre ataques hackers à urna eletrônica. Investigado, Bolsonaro não compareceu à Polícia Federal, para prestar depoimento sobre o assunto, na sexta-feira.

"Está tudo bem paz, tudo tranquilo aí, tá ok?", disse o presidente a apoiadores, durante uma visita à Catedral Metropolitana de Brasília.

Bolsonaro não cumpriu a determinação do ministro Alexandre de Moraes, para que prestasse pessoalmente o depoimento na Polícia Federal, em Brasília. O presidente não compareceu no horário e dia marcado, às 14h da última sexta-feira. A Advocacia Geral da União entrou com recurso para adiar a audiência, mas o pedido foi rejeitado por Moraes.


Na conversa com apoiadores, que durou cerca de 12 minutos, Bolsonaro voltou a defender a PEC dos Combustíveis, se eximiu da culpa pela alta dos preços da gasolina e do diesel e novamente culpou os governadores por isso, acusando que o ICMS é um caso de "bitributação”.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários