Bolsonaristas lamentam a morte de Olavo de Carvalho:
Reprodução
Bolsonaristas lamentam a morte de Olavo de Carvalho: "Foi um gigante"

Com a  morte do guru bolsonarista Olavo de Carvalho, aos 74 anos de idade - em Richmond, no estado norte-americano da Virgínia -, apoiadores que integram o governo brasileiro publicaram mensagens lamentando a partida do escritor.


O presidente Jair Bolsonaro escreveu que o Brasil perdeu "um dos maiores pensadores da história" e que Olavo foi "um gigante na luta pela liberdade e um farol para milhões de brasileiros. Seu exemplo e seus ensinamentos nos marcarão para sempre".


Eduardo Bolsonaro, deputado federal e tido como o filho mais ideológico do presidente, afirmou que os "livros, vídeos e ensinamentos" de Olavo "permanecerão por muito tempo ainda".

Leia Também


O vereador do Rio de Janeiro, Carlos Bolsonaro, contou que conheceu o filósofo "de forma espontânea em 2012, em seu programa de rádio" e agradeceu por Olavo ter semeado "em uma terra arrasada chamada Brasil".


Embora tenha sido diagnosticado com Covid-19 em 16 de janeiro, a causa da morte do escritor ainda não foi anunciada.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários