O ministro da Saúde Marcelo Queiroga
Myke Sena/MS
O ministro da Saúde Marcelo Queiroga

A CPI da Covid aprovou nesta terça-feira (05), um requerimento que exige uma explicação, por parte do Ministério da Saúde, sobre a retirada da vacina Corovac das novas fases de vacinação a partir do ano que vem. O requerimento surge como alternativa ao depoimento do ministro, Marcelo Queiroga. 

Os questionamentos, dirigidos ao atual ministro da saúde, procuram uma justificativa técnica para a decisão tomada pelo Ministério da Saúde de não adquirir novas doses do imunizante produzido pela Sinovac e pelo Instituto Butantan. 

Além da justificativa, o requerimento também pede informações sobre o estoque de vacinas no país e planejamento dos próximos passo do plano de imunização, considerando a dose de reforço em isodos e imunização de adolescentes. 

Queiroga terá 48h horas para responder os questionamentos e deixar a CPI a par dos planejamentos do ministério. O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE), autor do requerimento, também pede para que o ministro informe a atual composição da câmara técnica em imunização. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários