Ex-governador do Rio de Janeiro Wilson Witzel
Eliane Carvalho
Ex-governador do Rio de Janeiro Wilson Witzel

Com depoimento marcado na CPI da Covid nesta quarta-feira (16), o ex-governador do Rio, Wilson Witzel , entrou com pedido no Supremo Tribunal Federal (STF) para que o status de seu comparecimento à comissão mude de testemunha para convidado. As informações são da CNN Brasil.

O argumento do ex-governador  — afastado por um processo de impeachment — é que existem temas dos quais ele não pode falar. São eles quatro denúncias sobre irregularidades em compras feitas no âmbito da pandemia de Covid-19.

Independentemente da decisão do Supremo, Witzel afirma estar disposto a comparecer à CPI  — desde que fale apenas sobre questão relativas ao governo federal.

"A questão é processual. A minha defesa precisa aguardar a instrução processual para que eu possa falar sobre esses assuntos", disse à CNN.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários