Policia Federal realiza diversas operações a respeito do dinheiro destinado à Covid-19
MARCELO CAMARGO/AGÊNCIA BRASIL
Policia Federal realiza diversas operações a respeito do dinheiro destinado à Covid-19

A Polícia Federal (PF) realiza uma série de operações para investigar compras de insumos e licitações de serviços para o enfrentamento da Covid-19 . O órgão apura corrupção, falha na entrega das contratações e irregularidades em preços.

De abril de 2020 a abril de 2021, foram realizada 77 operações em 20 unidades da Federação, de acordo com balançao da própria PF, obtido pelo Metrópoles. Ao todo, estima-se que as possíveis irregularidade podem envolver R$ 2,27 bilhões dos cofres públicos, dinheiro destinado ao controle da pandemia do novo coronavírus (Sars-Cov-2).

Em média, seis operações foram deflagradas por mês em investigações que envolvem, por exemplo, a compra de respiradores, o superfaturamento de preços, a construção de hospitais de campanha e insumos comprados com dinheiro público que não foram entregues.

No período de um ano, 12 pessoas foram presas preventivamente e outras 140 tiveram a prisão temporária decretada pela Justiça . 1.207 mandados de busca e apreensão foram cumpridos pelos policiais federais.

As unidades da Federação  alvo de ações do tipo foram: Rio Grande do Sul, Goiás, Mato Grosso do Sul, São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Acre, Amazonas, Rondônia, Roraima, Pará, Amapá, Tocantins, Maranhão, Piauí, Ceará, Paraíba, Pernambuco, Sergipe e Bahia. O Ministério da Saúde ainda não comentou o caso.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários