Senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ)
Edilson Rodrigues/Agência Senado
Senador Flávio Bolsonaro (Republicanos-RJ)

O senador  Flávio Bolsonaro  (Republicanos-RJ) prestou queixa nesta terça-feira (6) contra o deputado federal Ivan Valente (PSOL-RJ) por denunciação caluniosa por conta de uma investigação aberta contra ele após provocação do parlamentar do PSOL . As informações são do portal Metrópoles .

O boletim de ocorrência foi registrado na 5ª Delegacia de Polícia Civil, em Brasília, dizendo que Ivan Valente age com "informações inverídicas" para incriminá-lo.

De acordo com o filho do presidente Jair Bolsonaro (sem partido), ele soube através da imprensa que o Ministério Público do Distrito Federal e Territórios instaurou uma investigação preliminar contra ele.

"A vítima informa que tem absoluta convicção estar sofrendo novamente o crime de denunciação caluniosa, isto porque o senhor Ivan Valente é sabedor de sua inocência e tem plena convicção que jamais o declarante cometeu qualquer crime ou ilícito na simples compra de um imóvel, cuja metade foi financiado, contraindo uma dívida de financiamento pelos próximos 30 anos, e que se tratou de uma operação imobiliária absolutamente legítima, legal", afirma o boletim de ocorrência.

Ainda segundo Flávio, há um modus operandi da esquerda "ao longo dos últimos dois anos contra a família Bolsonaro e inclusive contra seu genitor, o presidente da República, Jair Messias Bolsonaro". "Esta é uma prática constante com um único objetivo de tentar incriminá-los de forma fraudulenta", segue o documento registrado na delegacia.

O senador também afirma que essa estratégia usa do aparato estatal para "produzirem um tsunami midiático permanente em desfavor da família Bolsonaro em verdadeira perseguição política obsessiva".

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários