Deputada estadual Isa Penna (PSOL)
Divulgação/Alesp
Deputada estadual Isa Penna (PSOL)

A deputada estadual Isa Penna (PSOL) entrou com recurso na Justiça nesta terça-feira (30) pedindo a cassação de Fernando Cury (Cidadania), que apalpou a parlamentar da região dos seios durante sessão na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp). Penna recorreu junto com o deputado estadual Emidio de Souza (PT) após o presidente da Casa, Carlão Pignatari (PSDB) não aceitar a votação da cassação de Cury, mas sim da suspensão . A informação é do jornal Folha de S.Paulo .

"É inaceitável que o assediador continue legislando normalmente com uma punição branda que não tira seus direitos políticos, apenas o afasta por 119 dias com salário garantido para todo seu gabinete. Isso se votarem a favor desta punição...", escreveu Isa Penna no Twitter.

A votação no plenário para confirmar a pena do deputado está marcada para esta quarta-feira (31), às 10h, em sessão virtual. Isa e Emidio esperam obter uma decisão liminar antes do assunto chegar ao plenário.

Em dezembro, Cury foi flagrado pelas câmeras apalpando Isa e foi punido pelo Conselho de Ética com 119 dias de suspensão não remunerada. O prazo é o limite para que ele continue com o mandato e todo o seu gabinete não precise ser dissolvido. Isa Penna trabalha para que o plenário modifique a punição e aprove uma emenda com a pena de cassação.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários