Diplomata Luís Fernando Serra
Marcos Oliveira/Agência Senado
Diplomata Luís Fernando Serra

O nome do diplomata Luís Fernando Serra , embaixador do Brasil na França começou a ser circular como uma das opções do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) para assumir o Ministério das Relações Exteriores nesta segunda-feira (29), após a saída  de Ernesto Araújo . Serra é apoiado pelos filhos de Bolsonaro e já é visto por parlamentares brasileiros como um possível substituto "igual ou pior" que Araújo. Entre as críticas, está o fato de que ele pode acabar se revelando um membro da ala ideológica do governo do presidente. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

Depois de chegar na Europa para assumir o cargo , Serra se destoou dos demais ao assumir publicamente a defesa ao governo Bolsonaro e o ataque a inimigos políticos do bolsonarismo, especialmente em relação ao ex-presidente Lula e ao Partido dos Trabalhadores (PT), de acordo com a Folha.

O posicionamento, descrito por um colega como um ato de "lavar roupa suja fora de casa", é incomum entre diplomatas experientes. Os relatos dizem que a postura pode ser vista como um posicionamento ideológico do embaixador, mas, "caso ele substitua Ernesto, não será simplesmente trocar seis por meia dúzia".

No entanto, de acordo com as fontes ouvidas pelo jornal, a avaliação é que Serra prefira não deixar o posto em Paris e estaria procurando alternativas na Europa para quando seu tempo no cargo chegar ao fim.

Além do diplomata, outros dois nomes são citados como possíveis escolhas para substituir Ernesto Araújo: a cônsul-geral do Brasil em Nova York, Maria Farani Azevêdo, e o secretário de Assuntos Estratégicos, almirante Flavio Rocha. Farani tem apoio de congressistas alinhados a Bolsonaro, mas deve enfrentar resistência no núcleo ideológico por ter sido chefe de gabinete do ex-ministro Celso Amorim, durante governo do PT. Já Rocha, embora não seja servidor de carreira do Itamaraty, fala cinco línguas e é conhecido pelo perfil moderado. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários