Bolsonaro durante live do dia 11/03
Reprodução
Bolsonaro durante live do dia 11/03

Nesta sexta-feira (12), o assessor especial do atual presidente Bolsonaro , Tércio Arnaud Tomaz ressaltou que, após supostamente Bolsonaro ter usado “tom de ameaça” ao citar a possibilidade de uma nova ditadura no Brasil , a fala do presidente foi tirada de contexto em uma reportagem publicada pelo Uol. As informações foram apuradas pelo Poder 360.  

Em sua live semanal de quinta-feira, o presidente falou sobre a possiblidade de um regime militar que de acordo com o servidor do Palácio , foi tirada de contexto e ele fez um vídeo que publicou em sua rede social em que diz comprovar as suas afirmações.

No vídeo publicado por ele, mostra os primeiros seis segundos de um vídeo de 2 minutos e 57 segundos, trecho da transmissão do presidente em que ele fala: “Como é fácil impor uma ditadura no Brasil. Vou repetir: Como é fácil impor uma ditadura no Brasil”. Em seguida, o vídeo volta alguns instantes e mostra o presidente dizendo: 

“Eu sou a pessoa, queiram ou não, critiquem ou não, me ofendam ou não, que posso garantir a sua liberdade. Se a facada do Adélio fosse mortal, estaria no meu lugar o Haddad ou o Ciro Gomes. São 2 elementos de esquerda. O 2º manda no Ceará. O outro é o poste do Lula. Os governadores do PT, todos eles, fizeram lockdown no passado. Todos, sem exceção. Do Ceará é a mesma coisa. Se está o Haddad aqui ou o Ciro, o Brasil estaria fechado igual a Argentina está. Qual o futuro do nosso país? Vocês lembram do vídeo nosso que vazou, que não era para ter vazado, mas o ministro Celso de Mello falou que tinha que botar tudo para fora porque ali estava a prova que eu interferi na PF [Polícia Federal]. Em 1º lugar, não tinha interferência nenhuma. Em dado momento, eu falei, e era espontâneo: ‘como é fácil impor uma ditadura no Brasil’. Vou repetir: ‘Como é fácil impor uma ditadura no Brasil'”. 

Pelo decorrer do vídeo , uma montagem mostra a seguinte mensagem: “Que vergonha, UOL. Editando e tirando de contexto”. O título da matéria também é exposto no vídeo: ‘Como é fácil impor uma ditadura’, diz Bolsonaro em tom de ameaça”. 

Quando consultada às 11h40 desta sexta (12), a reportagem continha o título “‘Como é fácil impor uma ditadura no Brasil’, diz Bolsonaro por duas vezes”. Porém, depois foi acrescentado a menção ao suposto “tom de ameaça” do presidente.  

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários