Arthur Lira, Jair Bolsonaro e Rodrigo Pacheco
Mariana Costa/ Metrópoles
Arthur Lira, Jair Bolsonaro e Rodrigo Pacheco

Nesta quarta-feira (10), Rodrigo Pacheco e Arthur Lira , presidentes do Senado Federal e da Câmara dos Deputados, marcaram presença em ato de sanção do atual presidente Jair Bolsonaro, sobre projetos de lei que visam ampliar a capacidade de aquisição de doses da vacina contra a covid-19 , no Palácio do Planalto em Brasília. As informações foram apuradas pelo Metrópoles. 

Um projeto de autoria de Pacheco, o PL 534/21, tem como intuito permitir a iniciativa privada a comprar vacinas contra o novo coronavírus, desde de que elas sejam doadas ao Sistema Único de Saúde ( SUS ), durante a fase de imunização dos grupos prioritários. Passada essa etapa, as empresas poderão administrar gratuitamente. 

Lira e Pacheco estão buscando preencher o vazio deixado pelo governo Bolsonaro em relação as ações em prol do combate a pandemia da covid-19. Eles vêm argumentando com governadores e estão planejando com outros agentes a ampliação da vacinação no país. 

Na terça-feira (09), eles cobraram do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, sobre detalhes da vacinação e sobre a aquisição de novas doses. E ao mesmo tempo, também aparecem a frente da instalação da Comissão Parlamentar de Inquérito ( CPI ), que investiga possíveis omissões da gestão do governo durante crise sanitária

Lira dialogou com o Yang Wanming, embaixador chinês no Brasil e fez um apelo para que mais doses do imunizante fosse enviada ao país. Em ocasião, foi ressaltado pelo parlamentar que o Brasil não é feito somente de seu Executivo, mas também pelo Legislativo e Judiciário. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários