Capitão Nelson (Avante) teve apoio do Presidente Jair Bolsonaro
Reprodução Redes Sociais
Capitão Nelson (Avante) teve apoio do Presidente Jair Bolsonaro

Capitão Nelson (Avante), foi eleito prefeito de São Gonçalo, cidade da região metropolitana do Rio de Janeiro neste domingo (29) com 50,7% dos votos, vencendo Dimas Gadelha (PT).O presidente Jair Bolsonaro, que pouco interferiu no 2º turno das eleições municipais, apoiou o candidato.

Em vídeo gravado na última quarta-feira (25), o presidente disse apoiar o Capitão. Como justificativa, disse que "o outro lado é o PT, vocês sabem. Dispensa comentários".

Em 2008, Nelson Ruas dos Santos, foi acusado de chefiar uma milícia em um dos bairros mais perigosos de São Gonçalo, sendo citado na CPI das milícias da Assembléia legislativa do Rio.

Documentos acusavam Nelson de ser um dos líderes de um esquema que cobrava valores de moradores da área em troca de segurança. Apesar da investigação, ele negou as acusações e as denúncias não foram provadas.

Você viu?

Em vídeo que circula nas redes sociais, um apoiador do candidato eleito aparece dando tiros para o alto para celebrar sua vitória:



Em 2019, ele ocupou o cargo de Deputado estadual no Rio após o titular da vaga, Marcos Abrahão (Avante), ter sido afastado do cargo após ser preso em um desdobramento da Lava Jato que investigou um esquema de prorprina na Assembléia Legislativa do estado durante o governo de Sérgio Cabral (MDB).

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários