Doria e Bolsonaro
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Bolsonaro e Doria vêm trocando farpas nos últimos dias.

O presidente Jair Bolsonaro vou a atacar o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), dizendo que ele “só não quebrou” o estado porque o governo federal ajudou.

O presidente Jair Bolsonaro afirmou que o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), "só não quebrou" o Estado por causa do ajuda dada pelo governo federal na forma do auxílio emergencial, recursos a pequenas e micro empresas, rolagem da dívida, compensação da perda de ICMS e socorro ao setor de turismo. Declaração foi dada durante conversa com apoiadores na noite da última quarta-feira (28).

“Imagina se tivesse o Doria como presidente. Esse da vacina obrigatória, que fechou tudo em São Paulo e só não quebrou São Paulo dado ao auxílio do governo federal", afirmou Bolsonaro

O presidente também acusou o governador de aumentar impostos durante a pandemia de Covid-19. “Aumentou tudo, tudo que se possa imaginar, e ainda fala em obrigar a tomar vacina. Que lunático!”, completou Bolsonaro.

Na última terça (27), Doria disse que o Estado não aumentou nenhum imposto e que não irá fazê-lo.  O governo de São Paulo, por sua vez, diz que o pacote de ajustes fiscais que foi aprovado na Alesp (Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo) autoriza o governo a revogar benefícios fiscais concedidos sobre a arrecadação do ICMS e não aumentar a alíquota.

    Veja Também

      Mostrar mais