Jair Bolsonaro e João Doria.
Marcos Corrêa/PR
Jair Bolsonaro e João Doria.

Nesta segunda-feira (26), o governador de São Paulo João Doria (PSDB) declarou que o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) parece torcer contra o desenvolvimento de um imunizante contra o novo coronavírus (Sars-CoV-2). As informações foram dadas pela Folha de S. Paulo

“É inacreditável ter um presidente que não torça pela salvação das pessoas, pela vida das pessoas”, disse Doria.

“Parece até que torce pelo contrário. Porque, se torcesse a favor, torceria por todas as vacinas que, de maneira eficaz e comprovada, puderem ser aplicadas a todos os brasileiros”, apontou o governador de São Paulo.

Doria também falou que “não estamos em uma guerra de vacinas, mas em uma corrida pela vacinas. Somos favoráveis a todas elas”.

Quanto à judicialização do tema, Doria disse que respeita as decisões do Supremo Tribunal Federal e que “é preocupante ver um presidente contestar uma manifestação preliminar do presidente da  Suprema Corte do país”.

Hoje mais cedo, Jair Bolsonaro fez críticas à fala de Luiz Fux sobre o papel do STF na discussão sobre a vacina contra Covid-19 . “Não pode um juiz decidir se você vai ou não tomar a vacina. Isso não existe”, afirmou Bolsonaro.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários