Campanha de Guilherme Boulos (Psol) à prefeitura de São Paulo criou um carro para que a vice Luiza Erundina pudesse participar de atos na rua
Divulgação
Campanha de Guilherme Boulos (Psol) à prefeitura de São Paulo criou um carro para que a vice Luiza Erundina pudesse participar de atos na rua


A equipe da campanha de Guilherme Boulos (PSOL) à Prefeitura de São Paulo criou uma estratégia para que a vice da chapa, a deputada federal Luiza Erundina (PSOL) , pudesse participar dos comícios na periferia, a fim de angariar votos desse eleitorado que ainda não aderiu plenamente à agenda de Boulos.


Erundina deve passar a circular com o " Erundinamóvel " nos bairros da periferia de São Paulo, a estratégia foi pensada para que a vice, uma idosa de 85 anos, não corra risco de contrair o novo coronavírus durante as interações corpo a corpo, já que ela faz parte do grupo de risco.

O nome foi dado em alusão ao papamóvel. A campanha montou uma estrutura na caçamba de uma picape com assento para a vice. Esse é um movimento para que Boulos penetre em uma bolha que ainda não o conhece, ou não foi convencida pelo seu discurso. A última pesquisa DataFolha revelou que o eleitorado do candidadto do PSOL está concentrado entre os mais ricos e os mais escolarizados.

Segundo a campanha, Erundina já deve participar da primeira carreata no sábada (31), no Grajaú. É possível que na quinta-feira (29) já ocorra um ato com a vice. Boulos deve caminhar ao lado da picape.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários