crivella
Rhavinne Vaz/ Prefeitura do Rio
Prefeito do Rio de Janeiro, Marcelo Crivella, tem mais um pedido de impeachment rejeitado

A Câmara de Vereadores da cidade do Rio de Janeiro rejeitou, nesta quinta-feira (17), mais uma vez, a abertura do processo de impeachment do prefeito  Marcelo Crivella. Foram 24 votos pelo arquivamento da denúncia e 20 favoráveis ao seguimento do processo de afastamento do atual prefeito.

A base para este novo processo de impedimento é a investigação que gerou mandados de busca e apreensão contra Crivella na última semana, na segunda fase da Operação Hades, do Ministério Público do Rio,  que investiga um suposto "QG da Propina" na administração municipal.

Os autores do pedido suspeitam de improbidade administrativa, crime de responsabilidade e desvio de verbas públicas.

O pedido que desencadeou a votação de hoje foi feito cerca de duas semanas após a Câmara dos Vereadores do Rio de Janeiro ter rejeitado o pedido de impeachment com base no episódio que ficou conhecido como Guardiões do Crivella.

    Veja Também

      Mostrar mais