Damares
Júlio Nascimento/PR
Damares é filiada ao PP desde 1995. Entretanto, nunca se candidatou a nenhum cargo.

A ministra da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, Damares Alves , foi convidada pelo PP a se candidatar a senadora pelo partido em 2022. A legenda, à qual o presidente Jair Bolsonaro já pertenceu, está próxima do governo nos últimos meses.

O presidente do partido, Ciro Nogueira (PI), confirmou ao GLOBO o convite à ministra. Sobre a escolha do estado de Sergipe para se candidatar, onde a ministra já morou no passado, disse que "ela é forte em qualquer estado".

Damares é filiada ao PP desde 1995, quando morava em São Carlos, cidade no interior de São Paulo. Ela trabalhou como assessora parlamentar por mais de 20 anos, transitando por diversos gabinetes de congressistas da bancada evangélica, e nunca se candidatou a nenhum cargo.

Procurada, a assessoria da ministra confirmou que a candidatura ao Senado se trata de uma "probabilidade". Outros partidos, como Podemos, PSD, Patriota, PL, Republicanos e MDB negaram ter feito convites de filiação.

O presidente do Patriota, Adilson Barroso, disse que não houve conversas com a ministra, mas frisou que aceitaria ser o partido da candidatura de Damares se ela assim desejasse.

    Veja Também

      Mostrar mais