Primeira-dama Michelle Bolsonaro
Carolina Antunes/PR
Primeira-dama Michelle Bolsonaro

A avó da primeira-dama  Michelle Bolsonaro precisou ser internada nesta quarta-feira (1º) após apresentar dificuldade respiratória e suspeita de contaminação pelo novo coronavírus (Sars-CoV-2).

Mradora de Ceilância, Maria Aparecida Firmo Ferreira tem 80 anos e foi encaminhada à Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital público no Distrito Federal em estado grave. 

Antes de ser internada, Ferreira foi atendida no Hospital Regional de Ceilândia (HRC). Durante à tarde, no entanto, ela foi transferida para a UTI do Hospital Regional de Santa Maria (HRSM).

De acordo com seu prontuário médico, Maria Aparecida Firmo Ferreira deu entrada em um box de emergência do HRSM. Os registros mostram que ela foi encontrada "por populares, na rua, caída" e levada para o hospital com falta de ar.

No hospital, a avó da primeira-dama disse que há 15 dias apresenta sintomas como tosse seca, febre, coriza, falta de apetite, falta de ar progressiva e dor abaixo das costelas.

A avó não tem contato com Michelle e, antes de se aposentar, tentou ganhar a vida como traficante de drogas. De acordo com informações da revista Veja, arquivos da 1ª Vara de Entorpecentes e Contravenções Penais do Distrito Federal detalham que Maria Aparecida Firmo Ferreira, então com 55 anos, foi presa em flagrante com substância ilícitas.

    Veja Também

      Mostrar mais